Doe Agora

BUSCA:

 

Responsabilidade na guarda de animais


Faz 14 mil anos que a humanidade domesticou os cães. Já os gatos fazem parte do nosso cotidiano há bem menos tempo: cerca de 3.600 anos.





Ou seja, nossos antepassados escolheram, milhares de anos atrás, colocar esses companheiros no nosso dia a dia. E, quando tomaram essa decisão, assumiram uma responsabilidade herdada por todos nós: o zelo pelo bem-estar desses animais.

Na medida em que a humanidade progride, também deve progredir a forma como nos relacionamos com as outras espécies. Assim, se no passado a relação homem-animal era exclusivamente utilitária (cães deviam guardar a propriedade, enquanto os gatos mantinham os roedores distantes dos celeiros), hoje temos conhecimento suficiente para compreender que o convívio com um bicho de estimação é sobretudo um privilégio – como muitas pesquisas demonstram, a presença de um pet nos ajuda a ser mais felizes, a ter imunidade melhor e até a viver mais tempo.

Mas, para que essa relação seja harmoniosa para ambas as partes, algumas responsabilidades se impõem. E é para discutir, promover e divulgar essas responsabilidades que a ARCA Brasil foi criada em 1993.

Desde então, a ARCA se dedica a projetos pioneiros de controle populacional e conscientização, à realização de Congressos e outros eventos e a uma série de ações que têm como objetivo fomentar a guarda responsável dos animais domésticos – além de trabalhos diversos nos campos da defesa dos animais silvestres e daqueles que são explorados pelas indústrias alimentícia, farmacêutica e de entretenimento.

Ainda no campo da defesa dos pets, a ARCA Brasil inovou ao elaborar os Dez Mandamentos da Posse Responsável, material que baliza os bons procedimentos na guarda de animais de estimação e representa um marco importante na história da proteção animal no Brasil.

 


 

 

 

 

 



Cadastre-se e receba informações da ARCA:

NOME:

E-MAIL:








Reprodução de conteúdos
Estimulamos a reprodução de nossos conteúdos, desde que na íntegra, com créditos para a ong, ao autor (quando houver) e link para o site da ARCA notificando para arcabrasil@arcabrasil.org.br Edições de texto devem ser previamente consultadas. Não é permitida a reprodução de fotos.